Depois do desdobramento em torno dos cabeças – de – lista da zona sul, escolhidos pelos  três principais partidos políticos do país  no actual xadrez, agora a vez é da região centro do país que compreende as províncias de, Sofala, Manica, Tete e Zambézia.

 Província de Sofala

A província de Sofala, compreende os seguintes territórios autárquicos: Beira, Marromeu, Dondo, Gorongosa e Nhamatanda

 Cidade da Beira

Para a segunda maior cidade do País, Beira, pela Frelimo concorre Augusta Maíta como cabeça-de-lista, Manuel Bissopo, secretário – geral da perdiz, avança como cabeça – de – lista da Renamo e Daviz Simango, actual edil pelo MDM, vai concorrer pela sua própria sucessão

Augusta Maíta

Nascida no dia 24 de março de 1980, da sua bagagem consta que a cabeça – de – lista da Frelimo, Augusta Maita é actualmente,  Secretária Permanente da província de Sofala, cargo que exerce desde Novembro de 2017, ela já foi Presidente do Conselho de Administração do Fundo do Desenvolvimento Sustentável e ocupou também a vaga de directora nacional adjunta de Estudos Económicos e Financeiros no Ministério da Economia e Finanças.

Manuel  Bissopo

Nascido na província da Zambézia  ha 49 anos, o parlamentar Manuel Zeca Bissopo, actual secretário – geral da Renamo, é cabeça-de-lista  do seu partido pelo Conselho Autárquico da Beira  ele tem feito política na província de Sofala, já liderou a equipa negocial da Renamo na altura em que se procurava solução para a primeira tensão militar que se circunscreveu no Centro do País.

Daviz Simango

Daviz Mbepo Simango nasceu a 7 de Fevereiro de 1964 é o actual Presidente do Conselho Municipal da Beira. Licenciado em Engenharia civil pela Universidade Eduardo Mondlane, já foi trabalhador da CETA, uma empresa ligada à área da construção civil.

Depois das clivagens com o falecido líder da Renamo, Afonso Dhlakama, em Março de 2009 apresentou, na Beira, o MDM, partido onde ele é presidente até à data.

Marromeu

Para concorrer ao cargo de presidente do Conselho Autárquico de Marromeu, a Frelimo indicou, como cabeça-de-lista, Vitória Cristina Artur  Timbe, a Renamo apostou em  Eusébio Vasco e João Germano é a aposta do MDM.

Dondo

Para a disputa do cargo de Presidente do Conselho Autárquico de Dondo,  Manuel Chaparica  é a aposta da Frelimo como cabeça-de-lista, Joaquim Greva avança pela Renamo e o MDM apostou em Tomás António Chicote.

Manuel Chaparica

O cabeça-de-lista da Frelimo em Dondo,  Manuel Virade Chaparica é académico, gestor de longa carreira quer na educação como nas vereações da autarquia de Dondo, desde o primeiro mandato. É igualmente líder religioso.

Joaquim Greva

Nascido a 3 de Agosto de 1964, a aposta da Renamo em Dondo, Joaquim Greva, estudou no -Instituto Superior de Ciências e Tecnologia Alberto  Chipande (ISCTAC), na Beira, onde se formou na  Gestão de Empresas e Recursos Humanos.

Tomás Chicote

Tomás António Chicote, cabeça-de-lista do MDM em Dondo, nasceu no dia 15 de Agosto de 1985, do seu perfil profisional consta a prestação de serviços, na qualidade de trabalhador na empresa  Sociedade Internacional de Monmtagens Industriais (SIMI), em Dondo e estudou na Escola Secundária de Dondo, fala português, Ndau e Sena, é católico.

Gorongosa

Na disputa pela direcção máxima do Conselho Autárquico da Gorongosa, concorrem, como cabeças-de-lista pela Frelimo, Renamo e MDM; Sebete Elicha Morais, Rafael Magasso e Daniel Madeira Missasse, respectivamente.

Nhamatanda

Para cabeça-de-lista do Conselho Autárquico de Nhamatanda, a aposta da Frelimo recaiu em António Charumar, a escolha da Renamo recaiu sobre Felizardo Chape e o MDM avança com Samuel Francisco Timóteo.

(Daniel Maposse)                                                                      (continua)

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *